Publicações

 
11.02.19

Bolsonaro e o Novo Congresso

 

 

Na última quinta-feira (7) em Brasília, mais de 70 profissionais ligados à área de Relações Institucionais e Governamentais participaram de uma roda de análises e debates promovida pelo Instituto de Relações Governamentais (Irelgov), acerca do momento político e das perspectivas para aprovação das reformas propostas pelo governo Bolsonaro. O encontro contou com palestras dos Jornalistas Thomas Traumann e Danilo Fariello e do cientista político Paulo Kramer, que conjuntamente com a mediação da Vice-Presidente de relações governamentais da BCW, Anna Paula Losi, trouxeram análises e projeções da relação do novo governo com as casas do Congresso Nacional.

Dentre as análises destacaram-se a nova forma de articulação do governo, que optou pela negociação com as frentes partidárias como alternativa ao presidencialismo de coalizão, a influência das mídias sociais na atuação dos parlamentares e o incerto sucesso das reformas visadas pelo governo, que dependeriam da liderança carismática de Bolsonaro. A eleição do Senado foi utilizada como exemplo da influência das redes sociais sobre os políticos. Na semana passada, Renan Calheiros foi tema de 802 mil tuítes e 428 mil posts de Facebook, três vezes mais do que a tragédia de Brumadinho, informou Traumann.